Famosos

Rodrigo Tardelli e Priscilla Pugliese realizam evento para fãs capixabas

Chegou o dia de Vitórinha receber os tão queridos atores das webséries independentes Brasileiras. Rodrigo Tardelli e Priscilla Pugliese desembarcam em Vitória neste sábado (03), para as gravações da websérie capixaba, Vidas Reversas, e garantiram um encontro com os admiradores da região no Cleópatra Gaystro Bar, às 18h.

Rodrigo Tardelli e Priscilla Pugliese são donos da Ponto Ação Produções. A atriz Priscilla Pugliese foi a protagonista da série “A melhor amiga da noiva”, que se tornou a websérie LGBTQ+ mais assistida em toda a América Latina. A 1ª temporada da websérie foi baseada em uma fanfic sobre o romance fictício entre as cantoras Camila Cabello e Lauren Jauregui, ex-integrantes da banda Fifth Harmony. A trama apresenta conflitos normais de relacionamentos, abordando também temas importantes como a depressão e a gravidez. Na segunda temporada, que teve estréia em março de 2018, o roteiro foi escrito pelas próprias protagonistas.

O ator Rodrigo Tardelli foi o protagonista da websérie “Até você me esquecer”, dirigida pela atriz Priscilla Pugliese na 1ª temporada. A trama baseia-se em uma história fictícia sobre um romance entre dois ex-integrantes da banda One Direction. Grande parte dos fãs da banda acredita em um relacionamento escondido entre dois integrantes: Louis + Harry (LARRY).

Os grandes sucessos conquistaram fãs em todo o território nacional e internacional. Com o evento, além da oportunidade de ter um contato maior com os fãs capixabas, os atores poderão falar sobre seus projetos e dividir experiências com os admiradores. A atriz Priscilla Pugliese e o ator Rodrigo Tardelli afirmam que estão ansiosos para finalmente conhecer os fãs capixabas.

Eu gosto de eventos relacionados a projetos para falar deles, falar olhando para quem está ali, nós que trabalhamos com audiovisual, quase não temos essa troca, então sempre que posso, perturbo minha assessoria para termos eventos assim. Olho no olho é tão gostoso, amo essa coisa do ao vivo! Espero que a gente possa transmitir uma mensagem legal para quem for assistir a série, e contribuir incentivando as pessoas a produzirem, esse é o meu maior objetivo”, conta Priscilla Pugliese

Estou ansioso para vê-los, era um lugar que eu achava que não tinha tanto público nosso e me surpreendi, porque até encontrei fãs em um evento que fui na outra vez e agora parece que tem muita gente interessada em ir dia 03, estou feliz e espero que eles curtam estar com a gente”, completa Rodrigo Tardelli.

Se Liga!  Ainda não nos segue no Instagram? Corre lá, nosso @ é @breaktudoreal , voce pode nos seguir também no Twitter @breaktudo e no Facebook BreakTudo, aguardamos você lá.

About the author

Luca Moreira

Luca Rocha Moreira nasceu em Niterói – RJ, no dia 14 de maio de 1998. Descendente de família mineira por parte de mãe, é filho da funcionária pública Lucia Maria Rocha da Silva e do designer gráfico Luiz Carlos Falcão Moreira. Estudou a infância toda em rede particular de ensino e durante o ensino médio, cursou integração com técnico em engenharia naval pela Escola Técnica Estadual Henrique Lage, unidade componente da Fundação de Apoio à Escola Técnica do Estado do Rio de Janeiro, onde participou de diversos protestos relacionados ao grêmio estudantil.

Enquanto estava cursando a escola, iniciou um curso de interpretação teatral na Oficina Social de Teatro, onde teve seu primeiro contato com as artes cênicas, onde recebeu aulas do ator e professor Alécio Abdon, porém se retirou do curso por motivos de dificuldade em interpretar seus personagens. Ainda no segundo grau, montou uma página no Facebook, onde começou a falar de múltiplos assuntos, entre eles esportes, nutrição e cultura. Em março de 2016 foi descoberto pela produtora teatral Grazi Luz, dona da Fazart Produções Artísticas, quando recebeu seu primeiro convite para ser aprendiz de comunicação da companhia, ainda que com 17 anos.

Seu interesse pelo jornalismo teve início alguns meses após sair da produtora, quando começou a publicar artigos no “Almanaque Mídia” na época comandado por Esdras Ribeiro. Algumas semanas depois do fechamento do portal, foi abordado pelo jornalista brasiliano Daniel Neblina, que o convocou para integrar o time de colunistas do “RegistroPop”, onde despontou como entrevistador-chefe do veículo, foi aí que iniciou sua carreira como jornalista.








Siga no Twitter