Internet Notícias

Maicon Santini e Foquinha questionam a razão de Bolsonaro não ter compartilhado um vídeo pornografia hétero e sim um de pornografia gay

Foquinha e Maycon (Reprodução/YouTube)

Neste sábado (09), Maicon Santini, youtuber e ator brasileiro, publicou um vídeo em parceria com Foquinha em seu canal no YouTube, no vídeo eles analisaram os memes do Golden Shower, termo colocado em alta por Bolsonaro recentemente.

No vídeo, Maicon e Foquinha, que é jornalista e também youtuber, basicamente mostraram vários comentários de internautas sobre a polêmica do Golden Shower, internautas fazendo zoeira da situação e até fantasias de Carnaval com o tema. Para quem não está por dentro do assunto, recentemente Bolsonaro publicou um vídeo no qual aparecem dois homens no Carnaval, um mete um dedo no orifício anal e outro mija em cima dele, que é conhecido Golden Shower ( algo como chuveiro dourado).

Bolsonaro foi muito criticado por ter mostrado o vídeo em seu Twitter que é seguido por mais de 3 milhões de pessoas, as pessoas criticaram o fato do presidente dizer que o fato é muito comum no Carnaval, sendo que isso é ruim para a imagem do Carnaval fora do país.

Maicon Santini fez um questionamento importante, o ator disse que Bolsonaro poderia ter mostrado qualquer cena de putaria em seu Twitte, pois sabemos que acontece sim muita putaria no Carnaval. Mas por que Bolsonaro não mostrou uma cena de sexo entre héteros no Canarval? Coisa que aconteceu bastante no carnaval 2019. O ator e a jornalista acreditam que Bolsonaro fez isso por homofobia, afinal não seria a primeira vez. Pois Bolsonaro já fez diversos comentários homofóbicos muito pesados.

“Ele podia mostrar qualquer vídeo, já que é pra falar de putaria de Carnaval, coisa que a gente sabe que acontece em qualquer tipo de festa, por que não um vídeo de um casal hétero?”, disse Maicon. “Claro, tem um monte de casal hétero transando por aí”, concordou Foquinha. “Tá vendo a homofobia ali? Que é mais um motivo pra falar “é gay”, “é sujeira”, “é bosta”, é isso que faz, associar LGBT a esse tipo de coisa, como se só LGBT fizesse isso, pra crucificar a gente mais ainda, pra enfiar mais um pouco de homofobia na goela da galera. Pra instigar mais ódio, mais uma vez fazendo total desserviço pra população”, continuou Maicon.

“É porque ele está falando mal do carnaval, mas está ali bem indiretamente a homofobia.”, concluiu Foquinha.

Dá play para assistir:

Curta nossa página e siga-nos no Instagram @breaktudoreal e no Twitter @breaktudo

Sobre o autor

Redação

Siga o site nas redes sociais, Instagram @breaktureal Twitter /Facebook @breaktudo