Luca Moreira

Luca Moreira revela lado dançarino de Rodrigo Tardelli em entrevista

Natural da cidade de Niterói, o ator e dançarino Rodrig Tardelli, começou desde a infância a dar sinais de que seguiria o caminho das artes.

Formado na escola de teatro Le Mode no Rio de Janeiro, participou de workshops com nomes renomados como Ana Maria Moretzshn e Eduardo Milewicz e se envolveu com o jazz através do Grupo Anaí Sanches.

Já tendo participado de vários comerciais, peças e produções audiovisuais, fundou junto com amigos em 2015 a “Ponto Ação Produções” , uma produtora focada na criação de web-séries, inluindo “A Melhor Amiga da Noiva”, um dos maiores sucessos da casa.

Quando foi que a arte começou a aparecer na sua vida?

Eu sempre tive o sonho de ser ator. Minha infância foi vendo filmes, séries e eu via 12 novelas por dia já me imaginando ali. Mas eu não tinha como custear um curso de teatro porque aqui no Rio são um pouco caros. Até o dia que eu juntei por uns meses as duas primeiras parcelas e me matriculei em um curso de artes cênicas e sobre os outros meses eu disse “seja o que Deus quiser” mas minha mãe me ajudou muito. Mas a arte começou mesmo na minha vida com a dança, eu me juntei com amigos e formamos grupos que se apresentavam em concursos no Rio de Janeiro.

Em qual momento que o seu interesse pela dança começou?

Então, foi a primeira forma que a arte surgiu na minha vida, sempre gostei de dançar, de aprender coreografias de tudo, até que a amiga de uma prima minha me chamou pra fazer parte de um grupo de dança dela, começou como brincadeira em 2007, em 2014 falei: “está na hora de aprender de verdade”, aí comecei a ter aulas de jazz, foi a modalidade que mais me apaixonei.

De onde veio a ideia de criar a Ponto Ação Produções?

Veio da vontade de não depender de testes ou coisas assim para poder atuar. Veio da vontade de trabalhar e mostrar nosso trabalho, criar nosso portifolio, e cresceu tanto que não tivemos outra opção a não ser nos dedicarmos 100% a isso porque nosso público tem muita fome dos nossos conteúdos, criamos um público totalmente fiel e dedicado a nos ajudar.

Acredita que as habilidades como dançarino ajude em alguns casos como ator?

Sem duvidas. Uso a dança hoje em dia como um complemento, como espero logo poder ter a chance de fazer um curso de canto para poder estar cada vez mais completo artisticamente. A dança te da uma desenvoltura melhor, um feeling melhor, fora que muito da atuação é corpo, né? E a dança já da um up nesse processo.

De onde você costuma tirar inspirações para criar seus personagens?

Eu vejo muitas séries e vejo com um olhar já pensando em usar tal detalhe futuramente em algum personagem, me inspiro muito também nos atores Mateus Solano e Bruno Gagliasso, sempre fui fã do trabalho dos dois e tento sempre acompanhar o que eles estão fazendo, é bom ter sempre em quem se espelhar.

O que acha do mercado artístico de trabalho em Niterói? Há muito que explorar ainda na cidade?

Aqui em Niterói não há muita oportunidade, por que quase não tem agências de atores ou formas de ingressar em algo, tem alguns grupos de teatro até mas quase não tem cursos ou coisas do tipo, mas aqui as pessoas gostam muito de arte em contrapartida, quando tem peças de teatro, as que consigo ir sempre estão lotadas. Só falta mais oportunidades de ingresso mesmo, o que faz a gente sempre procurar coisas do outro lado da ponte.

Qual foi seu primeiro momento profissional como artista?

Nas peças de teatro do meu curso, em 2014, nas apresentações do grupo de jazz também no mesmo ano. 2014 foi o ano que minha vida mudou.

Como foi o processo de escrever a Segunda temporada de até você me esquecer?

Ainda estamos finalizando ajustes, agora com a ajuda também do diretor Yuri Farage, mas foi muito gostoso poder pegar a essência e o gancho da fanfic e poder criar em cima disso, ter essa liberdade sabe? Descobri também um gosto por escrever que antes eu não tinha ainda provado.

Como virá o Louis nessa nova temporada? Como tem sido essa preparação?

Ainda não houve preparação, só a pesquisa do que mostrar nessa temporada e escrever, de dar mais força e intensidade ao personagem, mostrar um crescimento e um direcionamento na vida dele depois de tantas coisas que ele passou, ele merece ser feliz agora, e estamos com ideias incríveis para a temporada, muitas reviravoltas, estamos pirando e se jogando de cabeça para apresentar o melhor possível.

Deixe uma mensagem

Quero agradecer esse carinho diário, essa dedicação incansável, cada divulgação, cada fã clube, cada maratona dos episódios das nossas séries, é um amor tão puro e sincero que tento retribuir a cada dia, amo esse contato direto com eles, de saber o que eles querem e sentem, de saber que ajudamos tantas vidas com nossas mensagens positivas e com nosso trabalho. Obrigado por me apoiarem tanto, vocês são o combustível mais lindo que eu poderia ter na vida. Os amo demais.

Curta nossa página e siga-nos no Instagram @breaktudoreal e no Twitter @breaktudo