Luca Moreira

Luca Moreira entrevista Violett Beane sobre os bastidores da série “The Flash”

Conhecida globalmente pelo papel icônico de Jesse Quick na série “The Flash”, a atriz americana Violett Beane se prepara esse ano para mais um sucesso!

Dessa vez, ela estrelará ao lado de Lucy Hale, Tyler Posey e Sophia Taylor o filme “Blumhouse” da Universal Pictures, onde viverá Markie Cameron. Com data de lançamento marcada para o dia 27 de abril, a história segue o grupo de amigos que em uma noite enquanto jogam verdade ou desafio, acabam por serem punidos por dizerem mentiras ou se recusarem a falar durante a partida.

Durante sua carreira, o papel que mais a marcou foi a personagem do seriado baseado na série de quadrinhos da DC Comics. Em “The Leftovers”, produção exibida pela HBO, deu vida a personagem Taylor Truitt, além de ter atuado em outros sucessos como “Chicago PD”, “Tower”, e nos filmes “Flay” e “Slash”.

Um dos maiores marcos da sua carreira até agora foi interpretar Jesse Wells em “The Flash”. Como surgiu a oportunidade?

Eu estava vivendo e tentando trabalhar fora de Austin, Texas no momento. Conheci o meu agente  uns meses antes por acaso (ou destino!) e ele me enviou um tape solicitando uma exibição. Foi uma loucura, porque eu nunca fui para uma segunda audição em pessoa ou conhecia quaisquer produtores ou qualquer coisa!

 

 

Como você começou sua carreira de atriz?

Eu fiz aula de teatro no ensino médio e colegial e realmente me diverti  fazendo parte das peças. Mas durante meu último ano do colegial, nós tivemos um novo professor de teatro e por algum motivo nos realmente não nos davamos bem e ele não me colocava mais em nenhuma das peças. Eu estava sentindo falta de uma saída criativa, então eu procurei por um agente de cinema e TV na minha cidade natal. Eu comecei fazendo testes e, finalmente, conheci o meu agente e me  mudei  para LA.

Seu personagem veio direto dos quadrinhos DC, precisou de muito estudo para fazer o papel?

Existia sim um pouco de pressão sobre mim quando eu reservei a Jesse Quick. Quando eu descobri, eu corri para a loja local de quadrinhos e peguei  todas as informações dela quanto eu pude encontrar. Porque ela é uma personagem que ainda tinha muitos seguidores e existia uma idéia preconcebida dela e eu queria fazer direito.

“The Flash” tem uma enorme público aqui no Brasil. No momento em que a série estreou à três anos, você poderia imaginar esse sucesso todo?

Obrigado a vocês por serem fãs tão incríveis, vocês estiveram aqui desde o começo! Eu sei que a adaptação de quadrinhos sempre têm muitos seguidores, mas eu nunca imaginei que a experiência que tive com esta série. Todos vocês são tão dedicado e solidário, é incrível!

Por ser escalada como um personagem icônico em “The Flash”, você se preocupou com a aceitação do público?

Com a pressão e os fãs, há um monte de gente te dizendo  suas opiniões – positivas ou negativas. Pode ser tão fácil se envolver nos comentários negativos e as coisas ruins que as pessoas dizem. Mas você só tem que lembrar que todo mundo está limitado em alguma coisa e as pessoas são muito mais ousadas na internet. Elas dizem coisas que nunca diriam a você pessoalmente. Basta fazer direito por você mesmo e ignorar os haters.

O elenco de “The Flash” parece ser muito próximo. Como é o relacionamento fora das câmeras?

Eu amo minha família The Flash! Candice e Keiynan são duas das pessoas mais doces e honestas que conheço, e é ótimo voltar de vez em quando e encontrá-las. A equipe é tão talentosa e acolhedora!

Um dos projetos para este ano é o filme “Truth Or Dare” no papel de Markie Cameron, contracenando com Tyler Posey e Lucy Hale, que está programado para estrear em abril nos cinemas. O que os fãs podem esperar?

“Truth or Dare” é um thriller sobre um grupo de jovens universitários que jogam um jogo, enquanto estão nas férias da primavera no México, e quando eles retornam para suas vidas percebem que estão sendo assombrados. É um filme muito divertido e assustador sobre o quão longe você está disposto a expor-se e as pessoas que você ama, a fim de permanecer vivo!

Quando não está trabalhando, você é muito dedicada a proteger os animais, participando de campanhas como “Meatless Mondays”. De onde veio essa paixão por animais?

Eu decidi fazer uma dieta baseada em vegetais a cerca de 6 meses atrás e eu nunca me senti melhor! Eu sempre fui compassiva com os animais, de modo que  só a mudança fazia sentido para mim.

Você adotou recentemente o veganismo como modo de vida. O que a motivou escolher esse caminho?

Eu comecei a aprender sobre o impacto negativo que a população que come carne tem no nosso ambiente e eu decidi não participar mais disso. Nossa indústria de carne produz mais emissões de gases de efeito estufa do que todo o setor de transporte. Para não mencionar a quantidade de terra, água e energia que desperdiçamos criando e alimentando animais para matar.

Que mensagem você gostaria de deixar aos seus fãs no Brasil?

Muito obrigada a todos por serem fãs tão dedicados e que sempre me apoiam! Eu não seria capaz de fazer o meu trabalho sem todos vocês.

Curta nossa página e siga-nos no Instagram @breaktudoreal e no Twitter @breaktudo