BBB17

Ex-BBB 17 Marcos Härter denunciado pelo Ministério Público do Rio por agressão a Emilly; situação do médico se complica

Marcos Harter (Reprodução/Internet)

A situação do médico ex-BBB 17 Marcos Hater parece se complicar a cada dia mais, pois agora o MPRJ está denunciando ele, o ex-BBB é acusado de agredir Emilly Araújo no Big Brother Brasil 17, câmeras comprovam as agressões físicas e psicológicas, exames foram feitos em Emilly e eles comprovam as agressões. 

Leia também: Emilly e Mayla Araújo contrataram escritório de Miami para gerenciar suas carreiras

O Ministério Público do Rio  de Janeiro ofereceu uma denúncia contra o médico por dois delitos de lesão corporal contra Emilly e agora caberá à Justiça decidir se aceita a denúncia e abre processo contra o ex-BBB, acusado de agredir a participante Emilly, com quem teve um relacionamento conturbado dentro do reality show.

Leia também: Emilly Araújo vira piada na internet após notícia de que ela estaria ganhando 20 mil reais por presenças vips

De acordo com a denuncia do MPRJ, durante uma festa do programa, Marcos, por ciúmes, agrediu Emilly com fortes beliscões, que causaram um hematoma no braço esquerdo da vítima. No entendimento do promotor de Justiça Gianfilippo Pianezzola, que é o responsável pelo caso no MPRJ,  as agressões físicas e psicológicas infligidas por Marcos a Emilly constituem “forma de violência doméstica e familiar”. Agora o caso seguirá para o 3º Juizado Especial de Violência Doméstica, também em Jacarepaguá, onde fica os Estúdios Globo.

Leia também: Emilly Araújo se revolta com as críticas do público e dispara: “Deslumbrada não, sonhadora”

Ainda de acordo com o MPRJ, Marcos Harter também ofendeu mais uma vez a integridade corporal de Emilly, com um apertão no antebraço direito, que acarretou um novo hematoma. As lesões citadas na denúncia constam no laudo de corpo de delito.

+Emilly Araújo fala que as roupas de grife que usava antes de entrar para o BBB eram doadas

Notícias sobre:
Curta nossa página e siga-nos no Instagram @breaktudoreal e no Twitter @breaktudo

Sobre o autor

Nah