Connect with us

Entrevistas

ENTREVISTA: Gaho revela quem são os artistas que gostaria de colaborar e detalha conceito do seu novo álbum, ‘Fireworks’

Publicado

on

 

E vamos com mais uma entrevista?

Dessa vez, o BreakTudo teve a honra de conversar com o príncipe das músicas e produções sul-coreanas, Gaho.

O artista ganhou bastante notoriedade com seus vocais incríveis e músicas conceituais, principalmente por conta de cantar OSTs de k-dramas, marcando ainda mais quem o assiste ou escuta.

Ele ganhou ainda mais popularidade quando fez parte da trilha sonora do k-drama Itaewon Class, estrelado por Park Seo Joon. A música “Start Over” fez muito sucesso e atraiu ainda mais olhares para o artista. 

 

No último dia 23 de novembro, Gaho lançou seu novo álbum intitulado “FIREWORKS” e conta com 12 músicas. Ao escutar o álbum, podemos notar a sincronia perfeita do artista com cada batida. “OOO” é a primeira música do álbum e foi a melhor coisa que o artista fez. É uma música suave e que nos faz conectar ainda mais com ele, dando uma abertura correta para curtirmos a experiência de ouvi-lo. Lá no meio de FIREWORKS, nós podemos nos animar com a batida de “RIDE”, que possui um riffle de guitarra incrível. Pra finalizar, a última música do álbum, “Likes The Moon”, passa uma vibe mais escura e que nos deixa com um gostinho de quero mais.

O BreakTudo conversou com o artista e você confere a tradução abaixo:

Quando foi seu primeiro contato com a música? Quem foi artista que se tornou referência na sua vida?

Eu conheci um amigo no colégio e comecei a sonhar em me tornar um cantor e compositor. Eu disse que não seria legal se eu cantasse o que eu mesmo compus, então eu costumava aprender a dançar, mas como você pode notar,  tudo mudou completamente. Depois de ouvir essa história, acho que cheguei a este ponto enquanto assistia ao YouTube, estudando acordes e compondo. Um artista que me inspirou muito foi o Imagine Dragons. A sensibilidade intensa e explosiva de Imagine Dragons combina com meu gosto. Seria ótimo se houvesse uma oportunidade de colaborar juntos, e acho que seria bom fazer música mais forte e explosiva do que ‘Ride’ no futuro.

Eu preciso te dizer que todo mundo que conheço e que viaja por Itaewon, sempre posta videos com “Start” no fundo. O que você pensa sobre isso?

Estou muito feliz que ‘Start’ ainda seja amado por muitas pessoas, embora já tenha passado algum tempo desde o seu lançamento. Acho que OSTs são uma oportunidade de mostrar meus outros encantos vocais. Espero que haja mais oportunidades como essa no futuro. Recentemente, pude participar cantando a OST ‘Memories’ do drama Jirisan, onde atores famosos reaparecem. Por favor, dê muito amor pela música ‘Memories’ que eu cantei.

Vamos falar sobre seu primeiro álbum completo, ‘Fireworks’! Você pode nos contar sobre como foi trabalhar neste álbum desde o início? Os fãs estão realmente ansiosos por este trabalho.

Em primeiro lugar, escolhi <Fireworks> como título do meu primeiro álbum completo porque agora eu tenho 25 anos e pensei que a palavra que representa meus 20 anos foram ‘fogos de artifício’. O momento em que fogos de artifício voam alto no céu e explodem em um lugar esplêndido é realmente um momento momentâneo. Achei que meus 20 anos também fosse o período mais esplêndido da minha vida e senti que estava permanecendo no processo de ascensão a um lugar esplêndido e mais alto naquele período brilhante.

A música título ‘Right Now’ e as músicas do álbum como um todo, possuem várias das minhas emoções. Decidi o conceito porque pensei que as várias emoções (esperança, amor, amizade, paixão, arrependimento, vazio, etc.) que não só eu, mas todos os 20 e poucos anos pensam que representam juventude. A juventude e os gêneros musicais são diferentes, mas um tema eu decorei como um ritual, então espero que você goste de ouvi-lo.

Conte-nos sobre o processo de trabalho na capa do álbum. O conceito foi uma ideia em que você vem pensando há muito tempo?

Se você olhar a capa do álbum, a imagem é um pouco chamativa. Eu queria expressar um pouco do meu mundo, então dei algumas opiniões. Ele também contém imagens de minha infância, de álbuns e coisas que são significativas para mim, então achei divertido cria-las uma por uma.

Você tem planos de fazer uma turnê mundial para promover este álbum?

Não tenho planos específicos ainda devido ao vírus (corona), mas estou pensando em uma apresentação em turnê. Em vez de fazer isso para promover este álbum, quero dizer um “olá” aos fãs estrangeiros que não conheci antes, e quero visitar muitos países quem ouvem minha música. Além disso, acho que seria ótimo se eu pudesse desfrutar de viajar nesses países. Espero que o corona acabe e todos voltem às suas vidas normais o mais rápido possível.

Existe algum artista ou grupo que você gostaria de colaborar?

Eu gosto de artistas como Zayn, Imagine Dragons e Justin Bieber, então se trabalharmos juntos no futuro, uma música realmente especial vai sair. Claro, eles são ótimos músicos, então é uma história de sonho.

Você saiu em turnê com amigos no Planetarium em 2019 e participou da faixa ASH do álbum do Moti recentemente… Você pretende colaborar com algum deles em um próximo projeto?

Durante a última turnê da PLT Europa, eu me diverti muito colaborando com os membros da agência. Já que cada um está trabalhando solo, me perguntei que tipo de sinergia resultaria da colaboração, e como essas pessoas começaram comigo quando eu estava fazendo música, lembro que parecia mais amigável e forte. Se houver uma oportunidade, gostaria de colaborar sim.

Existe algum conceito que deseja realizar no futuro?

Eu quero experimentar jazz. Em termos de gênero, quero criar um sentimento que combine o jazz com outros gêneros. Não agora, mas quando ficar um pouco mais velho. As pessoas que me ouvirão poderão ver esse meu lado mais profundo, mas quero experimentar.

Gaho, você sabe que tem muitos fãs na América do Sul, principalmente no Brasil, certo? Como você sente sabendo que os fãs do outro lado do mundo estão torcendo pelo seu sonho? Você gostaria de dizer algo para eles?

Olá, aqui é Gaho, e estou muito grato por saber que existem pessoas do outro lado da Coreia que ouvem minha música e me amam muito. Não podemos nos encontrar agora por causa do Corona, mas as coisas melhoram rápido, então quero ir ao Brasil me apresentar. Meu primeiro álbum completo foi lançado. Aos 25 anos, espero que muitos fãs brasileiros ouçam este álbum, pois é um álbum que expressa as várias emoções que eu sentia pela juventude através de uma música colorida. Obrigado!

Nós, do BreakTudo deixamos um agradecimento especial para a MJ TONZ ENTERTAINMENT.

Se Liga!  Ainda não nos segue no Instagram? Corre lá, nosso @ é @breaktudosite, voce pode nos seguir também no Twitter @breaktudo e no Facebook BreakTudo, aguardamos você lá.