Internet Notícias

Entrevista: Conheça Welliards, que faz sucesso no YouTube com vídeos de humor de cultura pop

Aos 19 anos, o estudante de publicidade divide seu seu tempo entre os estudos e o YouTube

Welliards (Reprodução/Internet)

Wellington Alves mais conhecido como Welliards é um youtuber brasileiro, seguido por mais de 64 mil pessoas no Facebook e que tem mais de 82 mil inscritos em seu canal no YouTube.  Aos 19 anos de idade ele divide seu tempo com a faculdade de publicidade e propaganda e com a produção de vídeos bem humorados para o YouTube. 

Bom com a produção de textos, Wellington conseguiu tirar nada menos que 920 pontos na redação Enem usando a diva pop Katy Perry e Nick Jonas como argumentos para fundamentar o seu texto. Ele é natural de Quixeramobim, Ceará e atualmente mora em Aquiraz, onde estuda publicidade e propaganda na UFC. 

Welliards conversou com o BreakTudo e falou um pouco mais sobre seu trabalho no YouTube, e também sobre os seus objetivos. 

BREAKTUDO: De onde vem a sua inspiração para criar os vídeos?

WELLIARDS: Bem antes de mim existiam outras pessoas que faziam esse tipo de coisa. O próprio Didi tinha um quadro na tv onde ele ouvia as músicas em outras línguas e fazia a tradução hilária simultaneamente. E eu descobri isso recentemente, porque os meus inscritos de idade mais avançada, que assistiam o programa, sempre falam que meu estilo de video lembra muito as traduções do Didi. Mas como inspiração, posso citar a minha irmã, que sempre foi muito próxima de mim, e eu observava o jeito que ela cantava as músicas (ela não sabe inglês) e sempre dava pra escutar algo “em português”.

BREAKTUDO: Está fazendo algum curso de nível superior ou pensa em fazer?

W: Eu já tô no terceiro semestre de Publicidade e Propaganda, mas ninguém acredita porque eu aparento ser adolescente, é difícil de acreditarem até na minha idade kkk.

BREAKTUDO: De onde vem a sua inspiração para criar os vídeos?

W: Bem antes de mim existiam outras pessoas que faziam esse tipo de coisa. O próprio Didi tinha um quadro na tv onde ele ouvia as músicas em outras línguas e fazia a tradução hilária simultaneamente. E eu descobri isso recentemente, porque os meus inscritos de idade mais avançada, que assistiam o programa, sempre falam que meu estilo de video lembra muito as traduções do Didi. Mas como inspiração, posso citar a minha irmã, que sempre foi muito próxima de mim, e eu observava o jeito que ela cantava as músicas (ela não sabe inglês) e sempre dava pra escutar algo “em português”.


BREAKTUDO: Você é o primeiro youtuber que vejo fazer estas montagens usando legendas, como surgiu a ideia?

W: Acho que o principal motivo pra eu ter começado a fazer esses vídeos é que há uns 9 anos o Programa Pânico tinha um quadro chamado “Karaokê do Pânico”, e eu era completamente apaixonado por isso na época. Basicamente eles faziam a mesma coisa que eu, e usavam as divas do pop, como Rihanna, Katy Perry, que naquela tempo já eram ícones pra mim. Atualmente só uma pessoa faz isso, o nome do canal é “Chore Nao”. Eu admiro muito ele, acho que porque de certa forma nosso cérebro funciona da mesma forma, é como se falássemos a “mesma língua”. Mas ele só faz essas traduções com músicas de kpop, já eu procuro fazer com tudo que aparecer pela minha frente, especialmente pop e kpop, e de qualquer língua/nacionalidade, porque me sinto desafiado a tentar legendar.

BREAKTUDO: Você já tem 82 mil inscritos em seu canal no YouTube. Com tantos inscritos, creio que você já deve ter muitos fãs que queiram saber mais sobre você, pensa em diversificar o conteúdo de seu canal e começar a publicar vlogs, tags e outros tipos de vídeo?

W: Simb. É interessante isso, porque no começo eu não mostrava meu rosto, então ficava aquele mistério “quem está por trás desses vídeos?”. Mas depois eu comecei a aparecer em quase todos os vídeos, passei a diversificar meu conteúdo, mas estou fazendo isso no meu tempo, do meu jeitinho. Às vezes tenho medo que cobrem em mim aquilo que eles veem em outros youtubers, por exemplo, uma gravação de áudio e imagem de qualidade. Essas coisas eu não prometo, porque não tenho muitas condições. Eles são realmente muito curiosos pra saber sobre minha vida, sobre com quem eu ando, sobre meus gostos e preferências, mas aos poucos eu vou mostrando esse meu lado mais pessoal pra eles.

BREAKTUDO: Pensa em viver só do trabalho na internet, com os vídeos no YouTube? Ou pensa em conciliar mais coisas?

W: Bom, é um dos meus sonhos, conseguir viver nessa vida de internet, e acho que é muito possível. É ótimo pra mim trabalhar no YouTube, porque é o que me deixa feliz, é uma coisa que eu faço por amor. Envolve os artistas que eu gosto, as músicas que eu gosto, então isso me faz muito bem.

BREAKTUDO: Em quais youtubers você se inspira? Tem algum?

W: Há muito tempo eu sou fã do Diogo Paródias, sempre amei as paródias dele, o jeito criativo e bem humorado dele de lidar com as músicas e os famosos. O meu primeiro vídeo no canal do youtube (que está privado) era eu cantando uma paródia dele em 2016, e ele até comentou lá que gostou. Eu costumo dizer que o Diogo abençoou meu canal nessa época. E atualmente tive o imenso prazer de ser notado por ele. Inclusive ele até sugeriu que fizéssemos uma parceria. Fiquei muito feliz.

BREAKTUDO: Gosta de séries? Se sim, quais as últimas que você assistiu?

W: Agora eu não tenho mais muito tempo livre, por conta da faculdade, youtube, etc, mas antes eu assistia muitas séries. Posso citar em especial Scream Queens, que conta com um elenco cheio de estrelas, de pessoas que amo e admiro muito, como Nick Jonas e Ariana Grande. Eu sou realmente muito viciado em Scream Queens. É aquela série que vc assiste várias vezes durante o ano, e em todas as modalidades (legendado, dublado). Outra que amo muito é Black Mirror. E ultimamente tenho me dedicado aos Loona TVs, que é uma série de um grupo que gosto muito, e todos os dias sai um episódio novo.

BREAKTUDO: Seu canal tem muitos vídeos relacionados a artistas do k-pop, você é fã desse tipo de música? Fale um pouco.

W: Simb, eu realmente amo kpop. Por influência dos meus melhores amigos acabei virando kpopper também, e posso dizer que depois que isso aconteceu, tudo ficou mais feliz e colorido. No meu canal eu procuro sempre usar somente aquilo que eu gosto, o que me dar prazer, e acho que isso ajuda na hora de sair um trabalho legal. Uma coisa interessante, é que eu misturo pop com kpop nos meus vídeos, e as pessoas assistem, mesmo que elas não curtam um dos dois gêneros. Eu passei a fazer isso depois de uma entrevista da Anitta, onde ela falava sobre a união, e é uma das coisas pelas quais admiro ela. Claro, que para algumas pessoas ainda há uma certa resistência ao kpop. Nós vivemos numa  sociedade preconceituosa. Sempre que posso, eu tento conversar com eles pelos comentários, faço perguntas como “o que o kpop está fazendo contra você? É só uma música. Respeite os coreanos, eles são humanos como todos nós, e a última coisa que o mundo precisa é ódio”.

BREAKTUDO: Como é a relação com os fãs?
W
: Eles sempre comentam algo, e eu estou sempre tentando ler tudo, responder tudo, mas quando não dá, eu apenas deixo um “amei”. Essa opção de dar amei nos comentários é realmente muito legal. Eu mesmo, quando comento algo nos vídeos de outros canais, fico muito feliz quando recebo uma notificação “fulano deu amei no seu comentário”. Em 2017 eu já tinha sido abordado por pessoas nas ruas dizendo serem meus fãs, mas em 2018 isso se intensificou, e quase que sempre em todos os lugares que vou/estou aparece alguém. Eu ainda não me acostumei com isso, porque às vezes eles não vem falar comigo por vergonha, principalmente na faculdade, e ficam só de longe conversando entre si, observando. Isso me deixa vermelho de vergonha kk. Eu lembro que lá no comecinho criei um grupo no WhatsApp pra interagir com os fãs, e nisso já vamos completar 1 ano que estamos juntos. São em torno de 40 membros fixos, e já nos relacionamentos como amigos mesmo, compartilhamos de tudo.

BREAKTUDO: A quem é grato?
W:
Sou muito grato a minha família, porque querendo ou não eles influenciaram em alguma coisa nisso tudo que me tornei. Sou grato aos meus amigos, que me ajudam sempre que preciso. E aos meus fãs, que não desistem de mim, nem dos diversos quadros que faço no canal. É muito louco saber que já arranquei sorrisos de pessoas como Pabllo Vittar, Lucas Rangel, Camila Uckers, Aquele Fã, etc. Isso é gratificante.

BREAKTUDO: Como é o momento de criação?
W: É algo bem natural, e funciona como uma evolução, quanto mais eu faço, mais fácil vai se tornando escutar coisas engraçadas nas músicas. Antes eu conseguia identificar somente uma palavra em cada música, mas fui me desenvolvendo, e hoje em dia consigo criar frases inteiras, músicas inteiras, consigo criar estorinhas, fanfics, diálogos, e até realidades paralelas. Por exemplo, meus fãs shippam Ariana Grande + Anitta, porque na maioria dos vídeos delas, elas “falam” o nome uma da outra, falam coisas engraçadas. É como uma ficção mesmo.

BREAKTUDO: Como é a sua relação com outras línguas?
W: Desde pequeno eu tive interesse pelo inglês, mas nunca tive condições de pagar um curso. Eu lembro que quando minha irmã chegava da escola eu pegava o caderno dela e ia ver as atividades de inglês, sempre foi minha matéria preferida na escola. Então, de certa forma, eu consigo entender a letra, consigo entender a tradução, mas isso não me atrapalha na hora de fazer as traduções hilárias. E com os meus vídeos eu acabo aprendendo outras línguas, outras culturas. Comecei só com o inglês, mas hoje legendo várias línguas como espanhol, francês, coreano, japonês, chinês, indiano, russo, até mesmo o português não fica de fora.

BREAKTUDO: Para concluir, mande um recado para os seus fãs.

W: O recado que eu tenho pra dar é que amo eles demais. Meus fãs me proporcionaram coisas pelo qual sou muito grato. São eles que me apoiam no que for preciso. Espero algum dia poder encontrar todos eles, dar um abraço, tirar umas fotinhas, sei lá. É bom saber que existam pessoas espalhadas por aí que eu faço feliz. Obrigathanks por tudo, wellovers <3

Welliards também fez um vídeos react recentemente, confira-os:

Curta nossa página e siga-nos no Instagram @breaktudoreal e no Twitter @breaktudo

Sobre o autor

Redação

Escrito pela equipe do BreakTudo. Siga o site nas redes sociais, Instagram @breaktureal Twitter /Facebook @breaktudo