Dark Netflix: Última temporada surpreende, dando o melhor final para a trama, saiba mais!  | BreakTudo
Cinema e TV Notícias

Dark Netflix: Última temporada surpreende, dando o melhor final para a trama, saiba mais! 

Dark (Reprodução/Netflix)

Na madrugada deste último sábado (27), foi lançada na Netflix, a tão aguardada terceira e última temporada da série alemã Dark. Exatamente às 4h da manhã, horário de Brasília, a produção foi lançada no catálogo da Netflix, no Twitter neste momento a hashtag #DarkNetflix já estava no topo dos Trending Topics.

Assim que foi lançada, os “darkners” já começaram a maratonar os 8 episódios da trama e logo nas primeiras horas da manhã os nomes de Martha, Jonas, Hannah, Elisabeth, Charlotte e muitos outros foram parar nos assuntos mais comentados da rede social Twitter. Então, se você não quer tomar spoiler no Twitter, assim que ver a palavra “Dark”, já pare de ler, porque os internautas dão muitos spoilers mesmo na rede social.

Alerta: Se você até esta publicação só para saber se vale a pena assistir a última temporada, se o final convenceu, mas não quer saber spoilers, podemos dizer que sim convenceu. O feedback nas redes sociais dado por internautas e o feedback da crítica também é positivo, a aprovação da série é quase total.

Abaixo contém Spoilers 

A terceira e última temporada de Dark vai além de tentar explicar todos os mistérios apresentados anteriormente, ela incluiu também o novo mundo é preciso explicar como esse universo alternativo funciona, como existe e porque existe e qual a relação dele com o mundo de Jonas.

Na última temporada não ficamos presos em três ou 4 linhas temporais, ficamos entre muitos outras linhas temporais e não só no mundo de Jonas, mas também no mundo de Martha, claro que o mundo de Jonas teve mais destaque, mas deu para entender a realidade de Martha.

Como explicar tudo aquilo que aconteceu na primeira e na segunda temporada? Essa pergunta era que estava na cabeça dos fãs da série e muitos temeram que os showrunners não conseguissem dá um final digno para a trama, mas eles conseguiram. Mas detalhe, para você realmente compreender tudo e ver que realmente foi o melhor final e que de fato fez sentido, é preciso você ficar com a cabeça aberta para o novo e não tirar conclusões precipitadas.

“Por que incluir um novo mundo na trama? Linhas temporais já não era o suficiente?”, de imediato para muita gente, incluir um universo paralelo na trama poderia parecer desnecessário e uma saída alternativa para explicar coisas que nem os showrunners sabiam.

Mas tendo assistido toda a trama, uma realidade paralela está totalmente dentro do contexto de Dark, assim como viagem no tempo, é algo estudado pela ciência. No decorrer da série, os personagens tentam quebrar os ciclos temporais e evitar o fim do mundo, mas eles sempre acabam onde começaram, o que leva a ideia de que eles não são livres para fazerem o que querem, são marionetes do destino.

No final de tudo, é Claudia Tiedemann que conseguem desvendar os mistérios para quebrar o loop infinito. Claudia descobrir que os dois mundos que eles conhecem, o de Martha e de Jonas, foram criados a partir de um terceiro mundo, quando essa informação é apresentada, é o momento que você pode pensar: “o quê? Que merd*”, mas calma tudo começa a fazer sentido depois.

Em um mundo real, que é o terceiro mundo (mundo da origem), lá em 1986 que tudo aconteceu. Tudo começou porque em 1986, o cientista Tannhaus  perdeu o seu filho em acidente de carro, então foi aí que ele decidiu usar uma maquina de viagem no tempo para tentar salvar o seu filho da morte, mas acabou dando errado, isso dividiu o mundo dele e criando dois novos mundos. Então, a solução foi Jonas e Martha salvar o filho de Tannhaus da morte, assim o cientista não teria que usar a maquina.

Com isso, Jonas e Martha e muitos outros personagens desapareceram no ar como se nunca tivessem existido, depois de terem sofrido tanto, essa foi a redenção deles. Sem viagem no tempo, cada pessoa ficou em sua época, isso interferiu no futuro de muita gente, fazendo com que eles nem chegassem a ter existido, como foi o caso de Jonas e Martha.

Para quem não lembra, Mikkel desapareceu em 2019, sendo levado pra 1986, lá ele conheceu Hannah e os dois tiveram Jonas, esse é apenas um dos casos de como a viagem no tempo bagunçou tudo, além disso ainda existiam mundos paralelos.

Desta forma, o final de Dark foi surpreendente, emocionante, fez sentido e deixou muitos fãs felizes.

Se Liga!  Ainda não nos segue no Instagram? Corre lá, nosso @ é @breaktudoreal , voce pode nos seguir também no Twitter @breaktudo e no Facebook BreakTudo, aguardamos você lá.

Notícias sobre:

Sobre o autor

Redação

Siga o site nas redes sociais, Instagram @breaktudosite Twitter /Facebook @breaktudo

Comente

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *