Música

Charlie Puth quer deixar as músicas de amor de lado no novo álbum e diz que quer fazer as pessoas dançarem

Charlie (Reprodução/Internet)

Charlie Puth está vivendo uma nova fase de sua vida, o cantor parece querer curtir a vida de solteiro e quer refletir isso nas músicas de seu segundo álbum de estúdio “Voice Notes”, em entrevista The Seattle Times  ele falou um pouco sobre o assunto. 

“Não mais baladas de amor”,  o artista fala que as baladas de amor não foram de sua vontade”Isso foi gente que apontou  uma direção que eu não queria entrar”, falou Charlie sobre o seu primeiro álbum “Nine Track Mind”, agora o segundo disco é todo produzido por ele e vai poder colocar mais sua identidade no disco.  Charlie fala que as musicas de amor não correspondido como a da música “One Call Away” não se identificam com ele, não é sobre ele.

Charlie ressalta que ele não está menosprezando as músicas, é só que elas não eram ele: “Essas músicas não eram eu”. O música revela que escreveu a faixa “Marvin Gaye” para o cantor CeeLo Green como uma piada (era algo apenas para divertir), mas acabou virando um grande sucesso: “Cara, eu escrevi essa música para Cee Lo! Eu escrevi essa música como uma piada! E acabou sendo como um grande sucesso!”. 

O artista revela que seu eu mais autêntico é muitas vezes sombrio e imperfeito. “Eu vivo para fazer música para as pessoas”, diz Puth. “Eu nunca vou deixar todos felizes, mas – como posso fazer um pouco mais feliz? Quero fazer as pessoas dançarem “.

Se Liga!  Ainda não nos segue no Instagram? Corre lá, nosso @ é @breaktudoreal , voce pode nos seguir também no Twitter @breaktudo e no Facebook BreakTudo, aguardamos você lá.

Sobre o autor

Guilherme Alves

Comente

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *